jump to navigation

Pré-Sal vai gerar muitas oportunidades de emprego 14/06/2010

Posted by Viviane Gonçalves in Formação.
add a comment

No último domingo, 13 de Junho, o jornal O Estado de S. Paulo, publicou uma matéria sobre as oportunidades de emprego que serão geradas com a exploração do Pré-Sal. Quando a Bacia de Santos estiver funcionando, a tendência é que dobre, a produção de petróleo no Brasil.

A extração da maior reserva de petróleo do mundo só entrará em operação em 2020, mas, segundo o texto, quem quiser atuar nessa área deverá se preparar a partir de agora.

Os profissionais para trabalhar nesse setor serão principalmente os geólogos, geofísicos, engenheiros, físicos e matemáticos, portanto, essas são profissões que estarão em alta nos próximos anos.

“O profissional poderá trabalhar na exploração, perfuração e extração de petróleo”, diz a coordenadora pedagógica de Engenharia de Petróleo da Estácio de Sá, Helga Stefania Maranhão Bodstein.

Já para o coordenador do desenvolvimento do Pré-Sal, Fernando Maurício de Aquino, estar na área, no atual momento da empresa, é uma oportunidade única.

Pois é, essa realmente pode ser uma chance rara para você que deseja seguir alguma dessas profissões.

Morando numa república 13/06/2010

Posted by Jakelane Targino in Formação.
add a comment

República é o termo usado para a casa onde só moram estudantes. É a opção para os jovens que estudam em outras cidades, longe de casa e dos pais.

Ítalo Moreira, 17,  mora desde abril em Natal / RN, com o irmão Irlan, 20, com o primo Wendeo, 19, e com o amigo Wellington, 20. “Morar longe dos pais é um pouco chato, porque você tem que conciliar as tarefas de casa com os estudos, o que acaba comprometendo seu tempo em relação ao lazer”, diz o estudante, que cursa o primeiro semestre de Fisioterapia na Universidade Potiguar (UnP).

Os irmãos Irlan e Ítalo Moreira

Apesar de morarem numa cidade praiana, os quatro estudantes não têm tempo para curti-la. “No fim de semana é que a gente vai arrumar a casa, porque na semana, além de estudar, só dá pra fazer a comida, lavar a louça e fazer as compras”, comenta Moreira. Segundo ele, a casa só fica organizada no final da semana, para isso dividem as tarefas: “eu lavo a louça, Wellington faz a comida, Irlan ajuda Wellington na comida e também lava o banheiro, e Wendeo varre e passa o pano na casa”. Os jovens são organizados na medida do possível e fazem o que o tempo permite.

Ítalo está morando há 440 quilômetros de seus pais, que moram em São Miguel, cidade do interior do Rio Grande do Norte. Sente saudades das conversas com a mãe e das brincadeiras com o pai. Mas em compensação, se dá bem com os meninos e se divertem juntos. Ele revela as vantagens: poder dormir até tarde e escolher os próprios horários para comer.

Além da união dos jovens há também a dos pais, que pagam o aluguel da casa, as contas e os mantimentos.

Para Moreira vale a pena todo o esforço por fazer o curso que gosta e por estar em busca da realização profissional.

Agroecologia, uma profissão pouco conhecida 06/06/2010

Posted by Edna Oliveira in Formação.
add a comment

Diante da crescente preocupação com os impactos provocados pelo homem no meio ambiente, encontrar saídas para reduzir esses efeitos negativos se torna uma necessidade. O curso de Agroecologia visa orientar as atividades rurais para que não prejudiquem o equilíbrio do meio ambiente.

Essa nova área pode ser uma saída para suavizar os choques causados pela relação desarmônica entre agricultor e ecossistemas. A grade curricular do curso caminha lado a lado com os parâmetros de desenvolvimento sustentável, capacitando o profissional a encontrar soluções para aperfeiçoar o relacionamento do agricultor com a terra.

Depois de formado o profissional, também poderá trabalhar em empresas e entidades ligadas ao planejamento de atividades da produção agrícola.

No Brasil, o Curso está disponível nas formas de Bacharelado e Tecnológico. O estudante terá noções básicas de Química, Biologia e Física, além de disciplinas específicas como Extensão Rural e Produções Sustentáveis.

As principais instituições que oferecem o curso são: Universidade Federal de São Carlos, Universidade Estadual da Paraíba, Universidade de Caxias do Sul, entre outras.

Curso pré-vestibular com até 100% de desconto 04/06/2010

Posted by Viviane Gonçalves in Formação.
add a comment

Mais uma dica para você que não pode pagar para fazer um cursinho e se preparar melhor, a fim de concorrer uma vaga em uma Universidade pública. O cursinho pré-vestibular Anglo realiza concurso de bolsas para as Turmas de Agosto 2010 nas três unidades da capital paulista – Sergipe, Tamandaré e João Dias.

Os descontos de até 100% serão concedidos de acordo com o desempenho do candidato na prova com 50 questões (turno da tarde e manhã) de múltipla escolha de disciplinas do ensino médio. Para o turno da noite, serão 40 questões. A duração da prova será de 3 horas e meia.

As inscrições podem ser feitas via internet até o dia sete de junho. A data de divulgação do resultado será informada no dia do exame.

Mais informações sobre o regulamento do concurso podem ser obtidas no site do cursinho ou pelo telefone (11) 3273- 6100.

Vencendo a pressão dos pais 03/06/2010

Posted by Jakelane Targino in Formação.
add a comment

Nem sempre os pais estão certos sobre o que é melhor para os filhos. A escolha da profissão é um exemplo disso, porque há pais que influenciam os filhos a optarem por suas carreiras ou ainda, pelas que gostariam de ter seguido um dia. É certo que os jovens esperam apenas ser orientados pelos pais, para que sintam-se seguros em suas escolhas.

Não é sempre verdade que filho de peixe, peixinho é, pois os filhos podem ter personalidades e interesses diferentes dos de seus pais, que os pressionam por estarem preocupados com o futuro profissional deles, mas há coisas que os pais devem entender. E quanto ao diálogo, esse é fundamental entre pais e filhos. Confira!

A pressão dos pais pode fazer com que os jovens prestem vestibular na dúvida e façam escolhas erradas. Esses fatores podem explicar o porquê de profissionais infelizes em suas carreiras. Para evitar escolhas equivocadas o jovem deve informar-se ao máximo sobre as profissões e o que elas têm a ver com suas personalidades. Saiba mais.

Faça uma boa ação e ganhe pontos na carreira 02/06/2010

Posted by Matilde Freitas in Formação.
add a comment

 

Participar de algum projeto social, ajudar entidades, ONGs, cuidar do meio ambiente, entre outras coisas, pode ser além de ajudar o próximo e contribuir para um planeta mais saudável, um ponto positivo na hora de arrumar um estágio.

As empresas costumam perguntar se você participa de algum projeto social e isso conta muito como um diferencial na hora de conquistar uma vaga no mercado de trabalho. A participação nesses projetos mostra responsabilidade, preocupação com o próximo e com o meio em que vive.

Quando você decide fazer um trabalho voluntário não está ajudando só o próximo, mas está ajudando a si próprio, pois, além de fazer uma boa ação você também estará melhorando o seu currículo para uma vaga futura.

Mas lembre-se, o trabalho voluntário é um ato de solidariedade e doação do seu tempo em favor do outro, por isso, na hora de escolher uma instituição para ajudar, escolha uma com a qual você se identifique e pensando primeiramente nas pessoas que acreditam na sua boa atitude.

Não perca tempo, comece logo a fazer a sua parte, instituições precisando de voluntários é o que não falta.

Ciências Atuariais, o curso perfeito para quem gosta de números 31/05/2010

Posted by Edna Oliveira in Formação.
add a comment

Você já reparou na diferença do valor da mensalidade de um plano de saúde para um jovem e para um idoso? Você sabe fazer essas contas? E como será que se calcula seguro de vida, de veículo ou plano de previdência? Pois bem, esses cálculos são feitos pelos Atuários.

Este profissional é o técnico especializado em matemática superior que atua, de modo geral no mercado econômico-financeiro, promovendo pesquisas e estabelecendo planos e políticas de investimentos e amortizações e, em seguro privado e social, caculando probabilidades de eventos, avaliando riscos e fixando prêmios, indenizações, benefícios e reservas matemáticas. 

Mas para seguir esta carreira o estudante precisa gostar de Ciências Exatas, Matemática e Legislação (Direito), suas principais “ferramentas” no decorrer do curso de 4 anos e também na sua trajetória profissional. Conhecimentos em informática e um inglês fluente são importantes, pois a maior parte da bibliografia do Atuário é neste idioma.

Algumas disciplinas que vão nortear o curso são: cálculo probabilístico, matemática financeira, teoria do seguro privado, teoria do seguro social, estatística, contabilidade, administração, economia, processamento de dados e cálculo numérico. Portanto o curso é perfeito para quem gosta de números e de fazer contas.

Você gostou de Ciências Atuariais? Vide as principais universidades que possuem o curso: Universidade do Rio Janeiro, Universidade do Rio Grande do Sul, Universidade Federal do Ceará, Universidade Federal de Minas Gerais, Universidade Paulista, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, entre outras.

Designer de jogos alia trabalho e diversão 29/05/2010

Posted by Viviane Gonçalves in Formação.
add a comment

É de responsabilidade do profissional de design de jogos, planejar e coordenar todo o processo de produção dos jogos (para computador, celular ou vídeo games), começando pelo roteiro, passando pela produção da arte conceitual (esboços e rascunhos da história e personagens), modelagem 3D e chegando até a programação.

Kevin Hogan, diretor de desenvolvimento da Maxis (uma divisão da Electronic Arts) e produtor líder do The Sims 2: University oferece idéias para se tornar um especialista em design de jogos.

Segundo Hogan, esse profissional deve ter algum tipo de conhecimento técnico, como: engenharia e ciências da computação, além de participar de seminários sobre design industrial. Até cursos de psicologia são importantes, pois eles ajudam explicar como o cérebro funciona e como você pode induzi-lo a pensar.

Quando você não estiver trabalhando, procure jogar muito e assim analisar e entender porque um game é considerado bom.

Mas saiba, às vezes pode ser até divertido, porque muitos que procuram essa profissão são fanáticos por esses jogos. Mas, nem sempre é assim, pois o desenvolvimento de um game é bastante trabalhoso.

Curso tecnólogo garante nível superior em curto prazo 28/05/2010

Posted by Jakelane Targino in Formação.
add a comment
Josilaine de Paula

O curso tecnólogo é procurado por estudantes que buscam a formação de nível superior, mas que não querem passar quatro anos ou mais na universidade. Além de o curso ter duração menor, geralmente dois anos, o preço da mensalidade é mais acessível.  

A estudante Josilaine de Paula, 22, está cursando o primeiro semestre de Tecnologia em Gestão Financeira, na Unisa. As disciplinas do curso são: comunicação e expressão, empreendedorismo, introdução ao Direito, fundamentos da contabilidade e teorias da administração. “As que eu mais gosto são ‘introdução ao Direito’, é sempre bom agregarmos conhecimento sobre nossos direitos e, a outra é ‘fundamentos da contabilidade’, que envolve os cálculos, que eu gosto e explica porque escolhi o curso”, confessa.

O curso tecnólogo tem suas vantagens. “O curso é muito bom, principalmente para as pessoas que querem obter uma profissão em curto prazo. Se adquire uma profissão em dois anos e sai preparado para o mercado de trabalho”, declara Josilaine.

Pode haver diferenças entre o tecnólogo e a graduação. “O que o difere é a formação em tempo menor e o ritmo de ensino que é um pouco mais acelerado do que em um curso de quatro anos”, considera de Paula. Mas não são todos os cursos de tecnologia que duram dois anos. Alguns podem durar de três a quatro anos.

Cuidado para não confundir curso tecnólogo com o curso técnico, este é profissionalizante e realizado em dois anos. Pode ser feito por aluno que esteja no ensino médio ou que já o tenha concluído, não é ensino superior.

Quiropraxia traz saúde com o toque das mãos 28/05/2010

Posted by Nelton Silveira in Cursos.
add a comment

Um curso que já existe no Brasil desde 1998, mas que poucos conhecem é a Quiropraxia. Nos Estados Unidos e Canadá a profissão de quiropraxista é a terceira carreira mais procurada na área de saúde. Segundo as Diretrizes da OMS para a Educação e Segurança em Quiropraxia e a Federação Mundial de Quiropraxia, esta profissão está estruturada em mais de 80 países há 112 anos. Aqui o campo ainda está em crescimento, mas já tem um bom número de vagas, devido à demanda e à falta de profissionais capacitados para exercer essa prática que tem eficácia comprovada cientificamente.

A palavra Quiropraxia origina-se do grego e significa “prática com as mãos”. Este conceito foi criado em 1985 por Daniel David Palmer, que também desenvolveu a base filosófica e a primeira técnica da profissão. Seu princípio básico é: o bom alinhamento da coluna vertebral é importante para manter a saúde geral, melhor flexibilidade e postura, maior resistência a doenças, melhor rendimento, disposição e energia.

O quiropraxista pode:

– Orientar, prevenir e tratar as disfunções do sistema neuro-músculo-esquelético, dando ênfase na coluna vertebral;

– Cuidar da saúde e do bem-estar dos indivíduos;

– Realizar exames clínicos;

– Atuar em consultórios e clínicas médicas;

– Trabalhar conjuntamente com demais profissionais da área da saúde e

– Tratar doenças sem o uso de medicamentos ou cirurgias.

As principais disciplinas cursadas na faculdade são as relacionadas à morfologia humana, à biomecânica do movimento e à saúde coletiva, além de matérias práticas e estágio. O curso de Quiropraxia é feito em 5 anos e apenas duas universidades no Brasil estão aptas a ministrá-lo: O Centro Universitário Feevale, em Novo Hamburgo-RS e a Universidade Anhembi-Morumbi, em São Paulo-SP.

Se você se identificou com esse curso, está na hora de “colocar a mão na massa”, ou melhor, “a mão na coluna”.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.